TSE proíbe Haddad de espalhar mentira sobre Bolsonaro

O candidato que repete todo dia em sincronia com a grande imprensa que é contra Fake News

 16 de outubro de 2018 | 17h16
Por Rafael Rizzo

O candidato que repete todo dia em sincronia com a grande imprensa que é contra Fake News acaba de ser proibido de espalhar… Fake News. Haddad havia espalhado a mentira de que Bolsonaro votou contra uma lei de inclusao de deficientes, mas o deputado votou a favor. Explicamos como o processo da criação da mentira funciona aqui.

Nessa terça-feira, o ministro Sérgio Banhos, do TSE, barrou a veiculação em um vídeo em programa eleitoral com a mentira citada acima. Diz o ministro que a “publicação de fato sabidamente inverídico (fake news) é capaz de desequilibrar a disputa eleitoral”.

Apesar da proibição, até a tarde dessa terça-feira um vídeo com a mentira sobre Bolsonaro ainda estava no ar no twitter do fantoche do presidiário. Internautas estão cobrando o TSE para que também retire o tweet do ar.

Já ouviu falar da Jornada Patriótica? Assista ao vídeo abaixo e saiba mais.