Sem a confiança da população, PSL solicita e TRE fará auditoria pública de urnas eletrônicas na sexta

De acordo com o G1, o Tribunal regional eleitoral do Paraná (TRE-PR) vai realizar uma auditoria pública

 15 de outubro de 2018 | 17h48
Por Guto Zacarias

De acordo com o G1, o Tribunal regional eleitoral do Paraná (TRE-PR) vai realizar uma auditoria pública em urnas eletrônicas de quatro seções eleitorais usadas no primeiro turno das eleições 2018.

Ainda segundo a reportagem, o pedido foi realizado por uma comissão do Partido Social Liberal, PSL, partido de Jair Bolsonaro. Vale destacar que o pedido vem na esteira de diversas reivindicações sobre de membros da direita política e da população em geral que, de fato, não confiam nas urnas eletrônicas.

Jair Bolsonaro e membros da direita política, defendem o voto impresso e uma auditoria geral nas urnas eletrônicas. Uma vez que a possibilidade de fraude é grande, principalmente pelo fato das urnas serem produzidas pela smartmatic, empresa venezuelana.

As eleições venezuelanas, por exemplo, foram marcadas por uma enxurrada de acusações de fraude e, com isso, Nicolás Maduro acabou se elegendo para mais alguns anos de ditadura no nosso vizinho.

Esperamos que o Paraná sirva de exemplo e que as urnas do país inteiro sejam, de fato, fiscalizadas e que seja implementado o sistema de voto impresso.