Novo Mais Médicos: R$ 1,1 bilhão a mais na economia brasileira por ano

Com a saída de Cuba do programa Mais Médicos após as exigências feita pelo presidente eleito Jair

 26 de novembro de 2018 | 15h34
Por Rafael Rizzo

Com a saída de Cuba do programa Mais Médicos após as exigências feita pelo presidente eleito Jair Bolsonaro, o Brasil deve ganhar R$ 1,1 bilhão a mais na economia.

O cálculo é simples: 70% do salário dos médicos cubanos era enviado direto para a ditadura cubana. Já que os cerca de 8 mil médicos cubanos foram substituídos por brasileiros ou por estrangeiros com diplomas revalidados, toda essa grana que ia para Cuba ficará por aqui mesmo, para que médicos gastem no comércio local.

Segundo o economista cubano Mauricio de Miranda Parrondo em entrevista para a BBC News, o valor enviado do Brasil para Cuba pelo Mais Médicos era cerca de R$ 1,1 bilhão por ano.