Novo caso envolvendo ataque de militante petista contra eleitor de Bolsonaro 

Um idoso identificado como seu Dedé, morador de Maranguape, região metropolitana de Fortaleza (CE), foi brutalmente agredido

bolsonaro
 25 de outubro de 2018 | 19h25
Por Cauê Del Valle

Um idoso identificado como seu Dedé, morador de Maranguape, região metropolitana de Fortaleza (CE), foi brutalmente agredido por um militante do Partido dos Trabalhadores, após tentativa de impedir que o mesmo arrancasse bandeiras do candidato do PSL à presidência, Jair Bolsonaro.

Segundo testemunhas entrevistadas pela Revista Ceará que presenciaram a agressão, após a ação do seu Dedé contra o ato do homem ainda não identificado, o militante retornou e agrediu o idoso na região da cabeça, que desmaiou em seguida.

 

Socorrido e levado ao pronto socorro em sequência, ele registrou um boletim de ocorrência na Delegacia Metropolitana de Maranguape acompanhado por um amigo que relatou em sua página pessoal no facebook o episódio de intolerância.

Na última semana, um outro eleitor do presidenciável do PSL morreu após ter sido espancado na Av. 13 de Maio na capital, Fortaleza. A viúva e esposa da vítima, grávida e mãe de dois filhos, diz ter sido informada pelos profissionais que socorreram a vítima, que ele havia sofrido uma parada cardiorrespiratória e não teria resistido, como relatou a revista.