Flávio Bolsonaro diz ter sido banido do WhatsApp

Na quinta, 19, a Folha de S. Paulo publicou uma reportagem sobre um grupo de empresários que

 19 de outubro de 2018 | 13h23
Por Francine Galbier

Na quinta, 19, a Folha de S. Paulo publicou uma reportagem sobre um grupo de empresários que teriam comprado pacotes de disparos de mensagens no WhatsApp para divulgação de materiais contra o PT.

Flávio Bolsonaro, eleito senador pelo Rio de Janeiro e filho mais velho de Jair Bolsonaro, postou em seu Instagram nesta sexta-feira, 19, que seu número foi banido do WhatsApp.

“A perseguição não tem limites! Meu WhatsApp, com milhares de grupos, foi banido DO NADA, sem nenhuma explicação! Exijo uma resposta oficial da plataforma.”, escreveu.

Veja a publicação:

O Psol foi um dos partidos que se prontificou a pedir a suspensão do aplicativo de mensagens até o final das eleições. Até o momento não se sabe a origem da denúncia de Flávio. Mais informações em breve.