Doria escolheu réu na Lava Jato como secretário da Casa Civil

O governador eleito de São Paulo João Doria começou a montar seu time para a “gestão” com

 7 de novembro de 2018 | 12h44
Por Rafael Rizzo

O governador eleito de São Paulo João Doria começou a montar seu time para a “gestão” com o pé esquerdo: foi escolher logo Gilberto Kassab para secretário da Casa Civil.

Kassab foi ministro nos governos Dilma e Temer e é réu na Lava Jato por supostamente ter recebido R$ 21 milhões da Odebrecht, via caixa 2, para a campanha eleitoral em São Paulo em 2008. Os bens do ex-ministro estão bloqueados por conta da denúncia.

A escolha de Doria tem gerado muitas críticas na internet inclusive entre seus eleitores.

O deputado estadual eleito Arthur do Val, conhecido como Mamãe Falei por seu canal no Youtube, lembrou que Doria se apresentou como gestor, e não político.

Fernando Holiday, vereador da cidade de São Paulo, disse que os paulistas se livraram do socialista Márcio França, mas não esperavam que Doria nomeasse alguém como Kassab.