Comissão de Direitos Humanos exige que Estado zele pela vida de Jean Wyllys

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos, CIDH, comunicou o deputado psolista Jean Wyllys que concedeu a ele

 28 de novembro de 2018 | 11h49
Por Francine Galbier

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos, CIDH, comunicou o deputado psolista Jean Wyllys que concedeu a ele medidas cautelares exigindo que o Estado brasileiro zele por sua vida.

Wyllys fez o pedido em outubro, relatando ameaças de morte e a Comissão considerou que ele se encontra em uma “situação de gravidade e urgência, posto que seus direitos à vida e à integridade pessoal estão em grave risco”.

Ainda, a CIDH alega no documento que “valora providências tomadas pelo Estado, mas que elas não seriam suficientes”, dando como exemplo o fato da Câmara dos Deputados ter cedido um carro blindado ao deputado, mas a continuidade da medida só seria possível se Wyllys arcasse com os custos.