O senado Dalirio Beber (PSDB-SC) desistiu do projeto de sua autoria que fragiliza a Lei da Ficha Limpa. O anúncio foi feito nesta terça-feira, 20, quando a solicitação do parlamentar foi aprovada pelo plenário, fazendo com que o projeto seja arquivado.

O senador subiu à tribuna para se pronunciar sobre a retirada:

“Decido, então, portanto, retirar o PLS 396/2017. Certo que jamais quis criar tamanha celeuma nem tampouco causar constrangimento aos meus pares. Não havendo o desejo desta Casa, da sociedade e, especialmente, da população do estado de Santa Catarina na apreciação desta matéria, peço o apoio dos nobres colegas para que retiremos essa proposta.”

O texto do projeto vai contra a decisão do STF que determinou inelegibilidade de oito anos para parlamentares condenados antes de 2010, quando a Lei Complementar nº. 135 de 2010 passou a vigorar.

o/ Cauê Del Valle

Imposto não é roubo! – Um Apelo à Defesa Consistente do Liberalismo

Por Alexandre Lopes “Que imposto é roubo é algo evidente!” §1 Há uma diferença fundamental entre os > continuar lendo…

Com novo filme nos cinemas, Danilo Gentili concede entrevista exclusiva ao MBL News

Palestrante do IV Congresso Nacional do MBL e um dos humoristas mais bem sucedidos do país, Danilo > continuar lendo…

MBL-Ceará é proibido de entrar em palestra pública de Ricardo Lewandowski

Nesta sexta-feira, 07, Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, ministrou uma palestra pública na Câmara Municipal de > continuar lendo…

10 motivos para ter vergonha do STF

A Constituição Federal brasileira garante liberdade de expressão a todos os brasileiros. É o que parece. Essa > continuar lendo…

“Faria tudo mil vezes e repito, eu tenho vergonha do STF”, diz advogado que recebeu ordem de prisão de Lewandowski em entrevista ao MBL News

Na última quarta-feira, 5, o Brasil ficou horrorizado ao descobrir que o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo > continuar lendo…

‘’Prefiro defender um policial no tribunal a ir ao funeral dele’’ diz Wilson Witzel em entrevista exclusiva ao MBL News.

 ‘’Quem está portando uma arma de guerra certamente não está disposto a conversar ou negociar com as > continuar lendo…

Escola Sem Partido está a um passo de ser votado na Câmara dos Deputados e se tornar lei federal

Há pouco tempo atrás, a imprensa condenou a postura de uma professora de história, a catarinense Ana > continuar lendo…