O Partido dos Trabalhadores segue descolado da realidade. Na tarde desta segunda-feira (23) alguns militantes da sigla se reuniram em Curitiba, PR, para “saudar” o ex-presidente (e hoje presidiário) Lula.

De acordo com o site oficial do partido que assaltou o Brasil:

“O ato de boa tarde ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no dia seguinte à eleição foi puxado por Adriana Prestes, militante do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST). Ela lembrou que a saudação vespertina a Lula já ocorreu 206 vezes na Vigília Lula Livre, o espaço de resistência que reúne militantes em defesa da democracia e da libertação do ex-presidente.”

Vale lembrar que Lula está preso na sede da superintendência da Polícia Federal em Curitiba pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em decorrência do processo sobre o caso do Triplex do Guarujá.  O ex-presidente ainda é réu em outros 6 processos.

Foi por essas e outras que o PT perdeu a corrida presidencial de 2018.

Que partido ridículo!

o/ Guto Zacarias

Imposto não é roubo! – Um Apelo à Defesa Consistente do Liberalismo

Por Alexandre Lopes “Que imposto é roubo é algo evidente!” §1 Há uma diferença fundamental entre os > continuar lendo…

Com novo filme nos cinemas, Danilo Gentili concede entrevista exclusiva ao MBL News

Palestrante do IV Congresso Nacional do MBL e um dos humoristas mais bem sucedidos do país, Danilo > continuar lendo…

MBL-Ceará é proibido de entrar em palestra pública de Ricardo Lewandowski

Nesta sexta-feira, 07, Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, ministrou uma palestra pública na Câmara Municipal de > continuar lendo…

10 motivos para ter vergonha do STF

A Constituição Federal brasileira garante liberdade de expressão a todos os brasileiros. É o que parece. Essa > continuar lendo…

“Faria tudo mil vezes e repito, eu tenho vergonha do STF”, diz advogado que recebeu ordem de prisão de Lewandowski em entrevista ao MBL News

Na última quarta-feira, 5, o Brasil ficou horrorizado ao descobrir que o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo > continuar lendo…

‘’Prefiro defender um policial no tribunal a ir ao funeral dele’’ diz Wilson Witzel em entrevista exclusiva ao MBL News.

 ‘’Quem está portando uma arma de guerra certamente não está disposto a conversar ou negociar com as > continuar lendo…

Escola Sem Partido está a um passo de ser votado na Câmara dos Deputados e se tornar lei federal

Há pouco tempo atrás, a imprensa condenou a postura de uma professora de história, a catarinense Ana > continuar lendo…