Policiais militares da 1ª Companhia do 5º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano de São Paulo receberão uma homenagem na tarde desta quinta-feira, dia 6.

O motivo? Se juntaram para fazer uma vaquinha para salvar uma cadela baleada por um caminhoneiro no terminal de cargas da Fernão Dias, na zona norte da cidade.

De acordo com a PM, o caso foi registrado pouco após às 23h00. Funcionários do terminal relataram que um caminhoneiro, estacionado no terminal há dias, deu tiros contra a cadela vira-lata batizada de “pintada”.

O caminhoneiro Douglas Tarcizo da Silva, 38, abordado pela Polícia, admitiu ter atirado contra o cachorro e escondido a arma em outro caminhão. Ao receber voz de prisão, ainda tentou subornar os policiais, mas foi preso por porte ilegal de arma, maus-tratos a animais, disparos de arma de fogo e corrupção ativa.

Pintada foi encaminhada a uma clínica veterinária no bairro do Tucuruvi, onde passou por cirurgia e não corre risco de vida. Os policiais dividiram o valor da consulta.

Informações do UOL.

o/ Rafael Rizzo

Vídeo: Constrangido por Kéfera em Encontro, Wallace fala com exclusividade ao MBL News

O assunto do final de semana foi o show de arrogância da youtuber Kéfera no programa global > continuar lendo…

Com novo filme nos cinemas, Danilo Gentili concede entrevista exclusiva ao MBL News

Palestrante do IV Congresso Nacional do MBL e um dos humoristas mais bem sucedidos do país, Danilo > continuar lendo…

MBL-Ceará é proibido de entrar em palestra pública de Ricardo Lewandowski

Nesta sexta-feira, 07, Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, ministrou uma palestra pública na Câmara Municipal de > continuar lendo…

10 motivos para ter vergonha do STF

A Constituição Federal brasileira garante liberdade de expressão a todos os brasileiros. É o que parece. Essa > continuar lendo…

“Faria tudo mil vezes e repito, eu tenho vergonha do STF”, diz advogado que recebeu ordem de prisão de Lewandowski em entrevista ao MBL News

Na última quarta-feira, 5, o Brasil ficou horrorizado ao descobrir que o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo > continuar lendo…

‘’Prefiro defender um policial no tribunal a ir ao funeral dele’’ diz Wilson Witzel em entrevista exclusiva ao MBL News.

 ‘’Quem está portando uma arma de guerra certamente não está disposto a conversar ou negociar com as > continuar lendo…

Escola Sem Partido está a um passo de ser votado na Câmara dos Deputados e se tornar lei federal

Há pouco tempo atrás, a imprensa condenou a postura de uma professora de história, a catarinense Ana > continuar lendo…