Contrariando a moda entre os artistas brasileiros que estão engajados na campanha contra o candidato do PSL Jair Bolsonaro e aderindo ao #EleNão, a atriz global Juliana Paes usou seu Twitter pessoal para se manifestar sobre seu posicionamento.

Disse que está sendo questionada sobre as eleições, mas que não costuma adentrar em assuntos que não domina por uma questão de responsabilidade, mas que gostaria de compartilhar que apoia as medidas contra a corrupção, que é a favor do ficha-limpa e que é a favor da democracia.

“Quando a gente vê um sujeito que deveria estar preso dizendo que seu partido vai tomar o país, isso me assusta muito”, disse Juliana se referindo a entrevista de José Dirceu ao El País. Na ocasião, ele disse que o PT iria “tomar o poder” e que isso é diferente de “ganhar as eleições”.

No fim, a atriz reafirma a importância de usar o voto, que é uma arma democrática poderosa, e usa-lo com consciência. E que a escolha para o Congresso e Governos é tão importante quanto o presidencial.

Assista:

o/ Francine Galbier