O Wall Street Journal noticiou no ultimo domingo, 11, que o co-fundador da empresa norte-americana de realidade virtual, Oculus, teria sido demitido por doar US$ 10000,00 a um grupo de ativistas contrários a candidatura da candidata democrata, Hillary Clinton, durante a eleição presidencial de 2016.

Luckey era o rosto da empresa que ganhou notoriedade em 2012 com o primeiro protótipo público chamado Oculus Rift, introduzido no mercado de realidade virtual através de uma campanha de financiamento coletivo. Em 2014, a empresa foi comprada pelo Facebook por US$ 2 bilhões.

Segundo informações apuradas pelo jornal, o executivo teve que tirar férias forçadas seis meses após realizar a doação e teria demitido do Facebook logo em seguida. Segundo Palmer Luckey, ele foi demitido por seu apoio público ao então presidenciável pelo partido republicano, Donald Trump.

O jornalista Dan Bongiano teve acesso a e-mails internos e que segundo ele, sugerem que a doação de Luckey foi pauta ‘’nos níveis mais altos da empresa’’.

O presidente Donald Trump se posicionou através de sua conta oficial no Twitter sobre a perseguição de plataformas de redes sociais contra usuários e funcionários internos com visões de direita.

o/ Cauê Del Valle

Vídeo: Constrangido por Kéfera em Encontro, Wallace fala com exclusividade ao MBL News

O assunto do final de semana foi o show de arrogância da youtuber Kéfera no programa global > continuar lendo…

Imposto não é roubo! – Um Apelo à Defesa Consistente do Liberalismo

Por Alexandre Lopes “Que imposto é roubo é algo evidente!” §1 Há uma diferença fundamental entre os > continuar lendo…

Com novo filme nos cinemas, Danilo Gentili concede entrevista exclusiva ao MBL News

Palestrante do IV Congresso Nacional do MBL e um dos humoristas mais bem sucedidos do país, Danilo > continuar lendo…

MBL-Ceará é proibido de entrar em palestra pública de Ricardo Lewandowski

Nesta sexta-feira, 07, Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, ministrou uma palestra pública na Câmara Municipal de > continuar lendo…

10 motivos para ter vergonha do STF

A Constituição Federal brasileira garante liberdade de expressão a todos os brasileiros. É o que parece. Essa > continuar lendo…

“Faria tudo mil vezes e repito, eu tenho vergonha do STF”, diz advogado que recebeu ordem de prisão de Lewandowski em entrevista ao MBL News

Na última quarta-feira, 5, o Brasil ficou horrorizado ao descobrir que o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo > continuar lendo…

‘’Prefiro defender um policial no tribunal a ir ao funeral dele’’ diz Wilson Witzel em entrevista exclusiva ao MBL News.

 ‘’Quem está portando uma arma de guerra certamente não está disposto a conversar ou negociar com as > continuar lendo…