O PT resolveu mudar de estratégia no segundo turno, começando pelo visual da campanha. As imagens de Lula foram substituídas pelas cores verde e amarelo,  Manuela D’ávilla ganhou mais destaque e Fernando Haddad começou até mesmo a falar sobre armas. Segundo a Folha, a medida foi proposta por governadores do nordeste que teriam dito que a ideia do armamento “pegou bem entre eleitores mais pobres”.

Bolsonaro 8 pontos na frente

O levantamento feito pela Idea Big Data, em parceria com a Veja, mostra Jair Bolsonaro, PSL, com 54% dos votos válidos contra 46% do petista Fernando Haddad. A pesquisa foi realizada entre os dias 08 e 10 e ouviu presencialmente 2.036 eleitores das cinco regiões do país. A margem de erro é de 2,67%. Nesta noite deve ser divulgado o levantamento do Ibope no horário do Jornal Nacional.

Parece que o PT não vai conseguir chegar ao poder dessa vez. Ainda bem.

o/ Francine Galbier